quinta-feira, 27 de junho de 2013

Foi com enorme pesar que tive conhecimento da morte do José Cortes.Nunca é fácil fazer uso da palavra em momentos de dor, e neste momento em particular mais difícil se torna.Poderia estar aqui a escrever milhentas palavras sobre este forcado de eleição, um dos grandes da minha geração mas já tudo foi dito e escrito.É revoltante ter a consciência que este homem não morreu mas que o mataram,que ainda tinha uma vida inteira pela frente e que acabou por padecer as mãos de um qualquer cobarde sem escrúpulos. Ao Grupo de Forcados Amadores de Montemor,assim como a família enlutada, em meu nome e em nome de todos os elementos do Grupo de Forcados do Aposento de Alandroal, envio assim os nossos mais sentidos pêsames.

O cabo do Grupo de Forcados do Aposento de Alandroal

João Passos